domingo, 17 de maio de 2009

Quais são as figuras de linguagem?

1. METÁFORA: Quando se usa uma palavra fora do padrão literário, no sentido figurado.
EX: Meu pensamento é um rio subterrâneo.

2. CATACRESE: È o emprego indevido de uma palavra, pela falta ou não adaptação de um termo apropriado.
EX: Quebrou os braços da cadeira.

3. METONÍMIA: È o emprego de um palavra no lugar de outra, havendo entre elas certo relacionamento ou aproximação.
EX: Neste restaurante comemos bons pratos.

4. ANTONOMÁSIA: É a atribuição de um nome ou expressão por outro termo que facilmente se possa identificá-lo.
EX: A Cidade-Luz recebeu muitos turistas nas férias.

5. ANTÍTESE: Consiste em opor a uma idéia outra de sentido contrário.
EX: Não haveria luz se não fosse a escuridão.

6. HIPÉRBOLE: È o exagero de uma idéia.
EX: Tentei mais de mil vezes te ligar e não consegui.

7. PROSOPOPÉIA OU PERSONIFICAÇÃO: É a atribuição de sentimentos humanos em animais, objetos ou seres inanimados.
EX: As árvores estão chorando.

8. IRONIA: Sugere pela entonação e pela contradição de termos, o contrário do que a palavra ou orações parece dizer.
EX: Ele é gentil como um cavalo chucro.

9.EUFEMISMO: É a utilização de palavras ou expressões agradáveis em troca das que tem sentido grosseiro.
EX: Por favor, onde fica o toalete.

10. ALITERAÇÃO: É a repetição de consoantes ou sílabas das frases.
EX: Que um fraco Rei faz fraca a forte gente!

11. ONOMATOPÉIA: Consiste na imitação do som ou da voz natural dos seres.
EX: O coim-coim dos porcos parecia uma orquestra desafinada.

12. ELIPSE: È a omissão de uma expressão ou palavra.
EX: Não fosse você eu não era nada.

13. ZEUGMA: Consiste na omissão de mais elementos de uma oração.
EX: Na sala, alunos e professores que conversam.

14. SILEPSE: È a concordância com a idéia, não com a escrita. Pode ser de três tipos: de gênero, de número e de pessoa.
Gênero: Ocorre quando o predicativo que combina com a idéia está implícita.
EX: Rio de Janeiro é fria.
Número: Ocorre quando uma palavra que está no singular, mas indica mais de um ser.
EX: Estamos muito feliz por você.
Pessoa: Ocorre quando o verbo aparece na 3º pessoa e o verbo na primeira.
EX: Dissemos que os gaúchos somos poucos.

15. POLISSÍNDETO: È a repetição de um conectivo, geralmente a conjunção " E ".
EX: E eu, e você, e todos aqueles que acreditaram em nossa luta vencerão.

16. PLEONASMO: Emprega palavras desnecessárias por repetirem idéias servindo para dar força e energia ao pensamento.
EX: Nunca jamais se viu tanto peixe assim.

23 comentários:

  1. Entrei nesse momento nesse blog e estou gostando do assunto. Pois não entendia muito bem esse assunto.
    Aos poucos começo a tirar minhas dúvidas.
    Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  2. Muito interessante um blog sobre a nossa língua... parabéns

    ResponderExcluir
  3. Parabéns pelo blog! Texto esclarecedor e bem estruturado!

    ResponderExcluir
  4. Puxa que blog interessante.
    Espero que ao voltar a visitar esse blog tenhga mais coisas interessantes. O assunto é muito bom para ser estudado.
    Parabéns pelo blog.

    ResponderExcluir
  5. Achei muito bom, mais quero ler muito mais coisas do assunto nesse blog.
    Quero ver frases com figuras de linguagem e seus devidos autores.
    Espero da próxima vez encontrar isso no blog.
    Um abraço.

    ResponderExcluir
  6. muito interessante!!! parabens pelo blog

    ResponderExcluir
  7. adorei me ajudou muito
    obrigada

    ResponderExcluir
  8. Adorei me ajudou bastante, também mostra que precisamos estudar bastante para entender um pouco a nossa língua!

    ResponderExcluir
  9. Me ajudou muito obrigado genteeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee q:)

    ResponderExcluir
  10. onde é que esta as 17 figuras

    ResponderExcluir
  11. Respostas
    1. Que bom
      .
      .
      .
      .
      .
      .
      .
      .
      .
      Guarda pra você

      Excluir
  12. Explicações simples e fáceis de entender. Mas o Eufemismo está errado. Eufemismo é a suavização de algo desagradável. Quando se diz, por exemplo: "Ele se apoderou de algo que não era seu". Apoderar-se se algo que não te pertence é roubo, mas ao invés de dizer "Ele me roubou", suaviza-se usando "apoderou-se".

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. È a mesma coisa so muda as palavras

      Excluir
  13. que baguio ruuuuuuuuiiiiiiiiimmmmmmm.... ate eu sei mais que esse sait

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Em primeiro lugar site e em segundo lugar se vc acha q sabe mais então cria um blog pra vc e coloca oque vc sabe

      Excluir

Deixa seu comentário: sua opinião é muito importante para nós.Com uma condição: seja sincero! Só assim poderemos melhorar ainda mais o blog para que você continue nos visitando e prestigiando cada vez mais!
Obrigado pela atenção.